Alheio à hostilidade por se converter, Yudi diz que “andar com Jesus” surpreendeu sua família

Yudi Tamashiro está experimentando a hostilidade direcionada a quem entrega a vida a Jesus e muda seu comportamento, alinhando sua conduta aos princípios que a fé cristã prega. O apresentador, no entanto, contou que não se sente intimidado e reitera que sua escolha tem mudado sua vida.

“Recebi milhões de mensagens falando: “‘Você está indo pela moda’. Se for moda, eu quero que essa moda se espalhe, porque é uma moda que está fazendo muito bem para o meu coração”, disse ele em entrevista ao programa TV Fama, da RedeTV!, na última terça-feira, 10 de abril.

A mudança de vida, as novas prioridades e a postura resultante dessa nova fase têm sido elogiadas pela família do apresentador. “É algo que me completa. Não só está me completando, como minha família também. Eles sentem a diferença do Yudi andando com Jesus”, acrescentou Yudi.

“Eu sei o que passa dentro de mim, Ele sabe o que passa também. Ele está cuidando de mim direitinho, então não posso abandoná-Lo e jamais negar que realmente sou evangélico, sou crente”, enfatizou, minimizando a importância das críticas e opiniões de pessoas que não fazem parte de sua intimidade.

Durante a entrevista, Yudi Tamashiro foi questionado se apagaria suas tatuagens por causa da conversão, mas o apresentador demonstrou maturidade ao responder: “Eu tenho uma gueixa morta aqui no meu braço e não vou apagar, porque é só uma tatuagem. O que ficou para trás, ficou para trás. Hoje eu vivo algo novo na minha vida e acho que não tem o porquê estar nesse pensamento”, concluiu.

Conhecido por sua parceria com Priscila Alcantara à frente do programa infantil Bom Dia & Cia, do SBT, Yudi Tamashiro se converteu ao Evangelho em 2017, e foi batizado nas águas em novembro último, compartilhando o momento com seus seguidores nas redes sociais.